translate traduzir traducir

Estudo aponta que luz do Sol pode eliminar coronavírus em 34 minutos, confira

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Praia vazia
Praia vazia
- CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE(M) -

Um estudo publicado em junho deste ano na revista Photochemistry and Photobiology apontou que o sol forte de verão é capaz de eliminar cerca de 90% do coronavírus presentes em superfícies infectadas.

O estudo foi feito por Jose Luis Sagripanti e David Lytle, cientistas aposentados do Exército dos EUA e da FDA(Food and Drug Administration), respectivamente.

- CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE(M) -

Segundo o estudo deles, a luz solar do meio-dia durante o verão é eficaz na inativação do vírus causador da covid-19, quando tossido ou espirrado em superfícies.

Os dois cientistas avaliaram como o vírus SARS-CoV-2 se comporta quanto exposto por um certo período a raios UVB, e perceberam que boa parte tende a não sobreviver nas superfícies expostas.

- CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE(M) -

O experimento foi baseado em um modelo de estudo que já foi usado anteriormente para checar o comportamento dos vírus do Ebola e Lassa.

Por outro lado, eles alertaram que nos meses de inverno a situação é inversa, ou seja, o vírus tende a sobreviver por mais tempo nas superfícies infectadas.

A nova evidência vem meses depois que especialistas em saúde derrubaram a ideia de que o vírus não se espalha tanto em climas mais quentes.

FONTES: NyPost e PubMeb

Ajude-nós a manter este site no ar para levar a voz conservadora cada vez mais longe. Clique no botão apoia.se e contribua com qualquer valor.

LEIA TAMBÉM:

Este site utiliza cookies para garantir a melhor experiência de navegação aos visitantes.

error: Conteúdo protegido!!!