translate traduzir traducir
Denúncia

PF não atuou sob interferência de Bolsonaro e fala de Witzel foi ridícula, diz Deputado Sanderson

Foto-montagem: Wilson Witzel e Jair Bolsonaro
Foto-montagem: Wilson Witzel e Jair Bolsonaro
- CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE -

Na última terça-feira (26) o Deputado Federal e policial federal com mais 20 anos de carreira, Ubiratan Sanderson (PSL-RS), disse por meio de tweet que a ação da PF na investigação do Governador Wilson Witzel, cumpriu o padrão de legalidade, impessoalidade, compartimentação.

O Deputado aponta ainda que a fala do Witzel acusando a PF de agir sob interferência do Presidente Jair Bolsonaro foi ridícula.

- CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE -

Para Sanderson, Wilson Witzel está desesperado pois pode acabar tendo o mesmo destino dos 5 últimos governadores do estado do RJ. Veja o tweet a seguir:

Wilson Witzel está sendo investigado pela PF na Operação Placebo, sob suspeita de desvios de dinheiro na saúde do estado para ações de combate ao novo coronavírus.

- CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE -

Ontem (26) a PF executou 12 mandados buscas e apreensão, sendo um deles na residência oficial do Governador no Palácio das Laranjeiras, segundo o G1.

A PF deve fazer mais investigações em outros estados além do RJ, as ações ocorrem após suspeitas de desvios de dinheiro público através de superfaturamento na compra de equipamentos e suplementos médicos usados no sistema de saúde na pandemia da covid-19.

Compartilhe:
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter

Ajude-nós a manter este site no ar para levar a voz conservadora cada vez mais longe. Clique no botão apoia.se e contribua com qualquer valor.

LEIA TAMBÉM:
- CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE -

Na última terça-feira (26) o Deputado Federal e policial federal com mais 20 anos de carreira, Ubiratan Sanderson (PSL-RS), disse por meio de tweet que a ação da PF na investigação do Governador Wilson Witzel, cumpriu o padrão de legalidade, impessoalidade, compartimentação.

O Deputado aponta ainda que a fala do Witzel acusando a PF de agir sob interferência do Presidente Jair Bolsonaro foi ridícula.

- CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE -

Para Sanderson, Wilson Witzel está desesperado pois pode acabar tendo o mesmo destino dos 5 últimos governadores do estado do RJ. Veja o tweet a seguir:

Wilson Witzel está sendo investigado pela PF na Operação Placebo, sob suspeita de desvios de dinheiro na saúde do estado para ações de combate ao novo coronavírus.

- CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE -

Ontem (26) a PF executou 12 mandados buscas e apreensão, sendo um deles na residência oficial do Governador no Palácio das Laranjeiras, segundo o G1.

A PF deve fazer mais investigações em outros estados além do RJ, as ações ocorrem após suspeitas de desvios de dinheiro público através de superfaturamento na compra de equipamentos e suplementos médicos usados no sistema de saúde na pandemia da covid-19.

Este site utiliza cookies para garantir a melhor experiência de navegação aos visitantes.

error: Conteúdo protegido!!!